Encontro de Homens

A PAZ É AUSÊNCIA DE GUERRA?

“E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o coração e a mente de vocês em Cristo Jesus.” Filipenses 4:7

Um dos grandes alvos da humanidade é alcançar a paz mundial. Atualmente, a palavra paz é uma das mais utilizadas: paz entre os homens, entre Deus e os homens e paz pessoal. Contudo, se assistimos diariamente ao noticiário noturno ou se lemos cotidianamente nosso jornal, nos deparamos com uma realidade exatamente inversa- um mundo dominado pelo ódio, pela ganância, opressão e guerras. Por que, durante tanto tempo, diante de tanto esforço despendido, ao contrário de caminharmos em direção à paz, ela parece estar mais e mais distante de nós? A resposta é a seguinte: o homem que não tem paz com Deus, não pode ter paz com seu semelhante.

É sempre Deus quem toma a iniciativa para que tenhamos paz com ele. Quando o olhar bondoso de Jesus nos alcança, e nos envolve com sua presença, inicia-se a transformação. Ele nos capacita a viver em paz com nossa alma, com nossos irmãos, com nosso próximo, seja ele o vizinho ou um habitante de outro continente.

O mundo faz tentativas, mas não consegue alcançar a paz. As religiões, ao longo dos tempos, já fizeram de tudo para oferecer ao homem a paz que ele tanto busca. Sistemas filosóficos idealizados pelas mais brilhantes mentes de todos os tempos também procuram, em vão, solucionar esse problema crônico do ser humano.

Os discípulos de Jesus notaram que Cristo exalava uma perfeita paz e perguntaram-lhe como poderiam consegui-la. Jesus respondeu que era um dom, um presente, que vinha das mãos do Pai Celestial. Não era conseguida através do conhecimento, nem do autocontrole, auto-afirmação ou livre expressão.

Trazendo aquele dialogo para hoje, entendemos que todo esforço para se obter a paz é inútil e temos que confessar nossa incapacidade. Essa incapacidade se estende ao fato de não conseguirmos viver uma vida justa. E aí temos que admitir que somos pecadores. Amigo, agora é hora de exercemos a Fe no doador da paz, Jesus Cristo, e o convidarmos a perdoar nossos pecados, a ser nosso Salvador pessoal e a dar-nos vida eterna. E esta é a única maneira de obtermos a verdadeira paz – através de Cristo.

Jaime Kemp

Venha participar, nesse sábado,

dia 27 de agosto de 2011, às 19h30,

do Encontro de Homens.

Culto de Homens – Iemre Interlagos

Deus preparou o melhor para cada homem de Deus…

IEMRE - Culto de Homens 2009 - Cartaz A3

O Pr Clóvis ministrou uma Palavra linda sobre os 3 períodos da vida e do reinado do Reio Joaquim:

2 Crônicas 36:9,10 e Jr 52:31-34.

1º período é o das oportunidades: ele teve 110 dias pra governar e fez o que era mal as olhos do Senhor.

2º período foi o sofrimento e reflexão: da prisão. Em virtude da má administração, passou ficou 37 anos preso.

3º período de esperança e restauração: um novo tempo, quando ele aceitou o que Deus tinha pra vida dele e o coração dele foi quebrantado. O Rei Merodaque o fez sair do cárcere e trocou suas vestes e o fez comer em sua mesa, até o fim dos seus dias.

Culto_de_Homens_053

Homens buscando entender o período em que estão vivendo para que não cometam os mesmo erros do Rei Joaquim.
Volte-se para Deus!

Seja um homem espiritual não segundo seus próprios conceitos mas, segundo os conceitos de Deus.

Visite o site: www.iemreinterlagos.blogspot.com